Procure pela inicial do nome
POPULAR
A B C D E F G H I J K L M
N O P Q R S T U V X W Y Z

Procure pela inicial do nome
CIENTÍFICO
A B C D E F G H I J K L M
N O P Q R S T U V X W Y Z

Nome popular

andá-assu, boleira (ES), cutieira, cutieiro, côco-de-purga, fruta-de-arara, fruta-de-cotia, purga-de-cavalo, purga-de-gentio, purga-dos paulistas.

Nome científico

Joannesia princeps Vell.
Sinonímia
Anda brasiliensis Raddi , Anda gomesii Juss., Anda pisonis Mart., Andicus pentaphyllus vell.
Família: Euphorbiaceae
Altura: de 15 a 20 m, com tronco de 40-60cm de diâmetro.

Cutieira

Informações ecológicas: planta decídua, heliófita, característica de terrenos secos da encosta pluvial atlântica. Produz anualmente grande quantidade de sementes viáveis.
Obtenção de sementes: recolher os frutos no chão logo após sua queda. Em seguida quebrá-los com martelo para a liberação das sementes. Cada fruto contem de 1 a 3 sementes. Sua viabilidade em armazenamento é curta, não ultrapassando 6 meses.
Produção de mudas: colocar as sementes para germinar, logo que colhidas e sem nenhum tratamento, diretamente em recipientes individuais contendo substrato organo-argiloso e localizados em local semi-sombreado; cobrir as sementes com uma camada de 0,5 cm do substrato peneirado e irrigar duas vezes ao dia. A emergência ocorre em 20-30 dias e, a taxa de germinação geralmente é alta. O desenvolvimento das mudas é rapido, ficando prontas para plantio no local definitivo em menos de 4 meses. O desenvolvimento da plantas no campo é extremamente rápido, alcançando facilmente 6 m de altura aos 2 anos.

Fonte: H. Lorenzi - vol.1 Terceira edição
Projeto Florescer
Desenvolvendo mudas arbóreas.